Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2015 Março Judson Cabral quer dinamizar Serveal para dar maior agilidade ao órgão
06/03/2015 - 09h45m

Judson Cabral quer dinamizar Serveal para dar maior agilidade ao órgão

Diretor-presidente pretende diminuir burocracia do setor de engenharia do Estado

Judson Cabral quer dinamizar Serveal para dar maior agilidade ao órgão

Judson Cabral (Foto: Ailton Cruz)

 

 

Bárbara Pacheco

 

Há menos de um mês à frente do Serviço de Engenharia do Estado de Alagoas (Serveal), Judson Cabral já começou a traçar propostas para a empresa de economia mista responsável pela fiscalização das obras do governo do Estado. Na visão do diretor-presidente, o órgão precisa de mais agilidade e uma certa independência.

 

Para Judson Cabral, é preciso reestruturar a empresa para dar celeridade às demandas do governo. “O Serveal é uma empresa que pode resolver muitos problemas e evitar muitos prejuízos ao Estado. Uma obra mal projetada, mal fiscalizada, que se demora a apresentar avaliações e laudos técnicos pode se desdobrar em muitos danos”, alertou.

 

O principal desafio, segundo o diretor-presidente, é minimizar a burocracia e dar uma certa independência em relação à receita do órgão, que depende quase totalmente do repasse do tesouro estadual.

 

“A lei de criação do Serveal prevê que a empresa tem direito a cobrar uma taxa pela sua prestação de serviço, que pode chegar até 5% dos valores das mediações das obras que a empresa fiscaliza e isso não vem sendo praticado. Vamos levar ao governador essa proposta”, explicou Judson Cabral.

 

Outra proposta diz respeito à configuração interna do Serveal, que hoje conta com 30% de técnicos especializados e 70% de servidores administrativos. “É preciso dinamizar esse quadro, dar condições de trabalho para os profissionais, corrigir distorções e assim dar mais agilidade nos projetos”, afirmou o diretor-presidente do Serveal.

 

 

registrado em: Serviços

Ações do documento